quarta-feira, 2 de maio de 2012

Abraão - Encontro de Catequese

Preparei duas atividades sobre a história de Abraão, veja:



Esse foi o tema do meu último encontro. Preferir sair com a turma da sala, realizar o encontro ao ar livre e o resultado foi bastante legal.

Minha turminha chegou num agito total (não é muita surpresa pra mim né?rsrs), daí resolvi acalma-los na sala com um momento de reflexão, com a cabeça baixa, olhos fechados, em seguida oração, e foi só assim que consegui acalmar os anjinhos rsrsrs.
Após momento de reflexão e oração, levei eles para uma área livre, colocando todos assentados no chão em círculo. Veja na foto como ficou:


Iniciei falando de "desobediência" perguntei a eles que história da bíblia lembra desobediência?
E logo de cara eles disseram sobre a história de Adão e Eva, devido a desobediência a Deus comendo o fruto proibido. Em consequência eles lembraram também de Caim e Abel, onde um irmão mata o outro, e tudo isso devido a desobediência a Deus.
Bom, falamos bastante sobre desobediência, também perguntei eles como vai a obediência aos pais, e muitos foram sinceros dizendo que desobedecem de vez enquanto rsrsrs. A partir daí, que disse a eles que iam aprender com a história de Abraão, a obedecer aos pais, e principalmente a Deus.
Fiz uma explicação resumida sobre o início da história, e logo após a explicação li 
Gênesis 22 1 - 9.
Quando fazia a leitura orante, eu parei no momento em que Deus pediu a Abraão que sacrificasse seu filho amado, e que Abraão obedeceu, parei por aí, para deixar aquele ar de suspense, botei a turma toda curiosa e a refletir.
Disse a eles: O que acharam do pedido de Deus? As crianças responderam que achava injusto, e um até chegou a dizer que não entendia, pois Deus era a pessoa mais boazinha que tinha rsrsrs (só criança mesmo).
Aí fui a adiante, e no final todos viram que aquilo que Deus fez era um "teste" para descobrir o tamanho do coração e do amor a Deus que Abraão tinha. Deus quis provar a obediência e a fé dele.

Mas quando no meio da conclusão dessa belíssima reflexão, advinha o que acontece? 
Entra em cena para desespero do catequista, um cachorrinho.
Mas para desespero do catequista. Porque?
O catequista "aqui", custou, lutou, batalhou, pra colocar a turma inteira calma e em concentração, quando de repente o "tal" cachorrinho entra em ação, e pra variar o danado do cachorro foi no meio da roda, se tornando o centro da atenção, e eu mesmo fui jogado pra escanteio, ou melhor, me colocaram no banco de reserva. rsrsr
Mas eu não ia, jamais, deixar um cachorrinho me derrotar rsrsrs, peguei ele no colo e já que o cachorro apareceu, eu aproveitei ele no encontro.
Em Gênesis 22, 10 - 13 está escrito assim: 10.Depois, estendendo a mão, tomou a faca para imolar o seu filho.11.O anjo do Senhor, porém, gritou-lhe do céu: “Abraão! Abraão!” “Eis-me aqui!” 12.“Não estendas a tua mão contra o menino, e não lhe faças nada. Agora eu sei que temes a Deus, pois não me recusaste teu próprio filho, teu filho único.” 13.Abraão, levantando os olhos, viu atrás dele um cordeiro preso pelos chifres entre os espinhos; e, tomando-o, ofereceu-o em holocausto em lugar de seu filho.

E pra explicar esta parte, eu coloquei o cachorrinho, simbolizando o cordeiro. Mas no final o tal cachorrinho se tornou Isaac, pois as crianças o batizou como Isaac.

Ahhhhhh falta mostrar a foto do cachorrinho Isaac, veja:


Finalizamos com o canto "Eis me Aqui Senhor"



Pra finalizar a postagem vou deixar aos catequistas um texto muito importante que minha querida amiga Imaculada me enviou por email. 
Todos sabem que catequista tem o dever de preparar bem os encontros, pra isso devemos estudar, nos aprimorar e ficar bem preparados para ministrar o encontro.
O texto me ajudou bastante e tenho certeza que vai ajudar vocês.

Leiam  CLICANDO AQUI!
Boa leitura!

13 comentários:

  1. Que tenhamos a fé de nosso pai Abraão! Muito legal seu encontro Jonathan. Para esses pequenos, é isso que precisa ficar, que mesmo nas dificuldades, quando somos provados, precisamos acreditar que Deus está sempre do nosso lado com sua mão estendida...
    agora, esse "Isaac", quase que foi a vítima oferecida...rsrrs
    Grande abraço...
    VC sabia que aqui em casa, vc é tido como meu filho? srrs
    Deus te abençoe meu filho!! srsr

    ResponderExcluir
  2. Oi, amigo Jonathan!
    Tem um sorteio especial em meu blog.Venha participar também.
    Deus o abençoe!
    Abraços,
    Angela

    docessonhosdepapel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ei Jonathan!
    Altera pra mim meu nome de blog na lista de catequista unidos...
    de Aprendendoasercatequista para http://catequistaroberta.blogspot.com.br/

    Adorei este encontro sobre Abraão

    ResponderExcluir
  4. Goste do encontro, foi ótimo!!!

    ResponderExcluir
  5. Mt booooooommm , seu encontro > adorei sua criatividade, carinho e dedicação.
    desejo a vc muito sucesso nesse lindo trabalho. Fique c/ Deus.
    Vera- catequista em Araruama -RJ

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito do seu relato. Hoje nosso encontro terá como tema abraão, e com certeza seu relato me ajudará na continuidade do encontro. Obg.

    Franklin
    Catequista de Maceió - AL

    ResponderExcluir
  7. Parabens pelo encontro
    Ass. Alcivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Catequista de Teresina - PI - Alcivan

      Excluir
  8. Nossa!!! Sou catequista iniciante e to com uma turminha, amei, vai me ajudar muito no tema, confesso que vou me inspirar no seu encontro, peguei as lições tudo bem? obrigada por compartilhar sua experiência conosco.

    ResponderExcluir
  9. Realmente, muito incrível... Sua criatividade foi muito forte, foi aproveita e fazer isto hoje com os meus alunos, espero que não apareça nenhum cachorro, pois tenho medo... Parabéns... Vou ficar sempre de olho agora!

    ResponderExcluir
  10. Parabéns....
    Sou catequista também e sempre estou buscando iniciativas e coisas novas para alegar minha turma e fazer com ela fique sempre com mais vontade de conhecer Jesus... Sou jovem ainda e gosto de trazer coisas novas, mas você é incrível... Parabéns mesmo, que Deus continue lhe abençoado! Você merece!
    Sempre vou acompanhar o seu blog... Parabéns...

    ResponderExcluir

Caso não dê conta de comentar com o seu email, você poderá comentar clicando na opção ANÔNIMO, só não pode esquecer de deixar o nome no final de seu comentário. Desde já, agradeço seu comentário e convido a voltar sempre.

Jonathan Cruz