FOTOS

No dia 11 de novembro de 2012 minha linda turma recebeu Jesus Eucarístico pela primeira vez. A missa foi linda, não teve quem não se emocionasse. 
Para tudo dar certo, sair nos conformes, foi preciso união em equipe, dedicação, muito amor por Jesus Cristo, e pela catequese, em especial aos catequizandos.
Lílian (nossa coordenadora) até brincou dizendo, que eu parecia noivos em véspera de casamento, confesso que eu estava ansioso mesmo, era um grande momento a se celebrar, um momento especial! Tudo tinha que ser tratado com delicadeza, com muito zelo, por se tratar de um dia marcante na vida dos catequizandos, ao qual preparei com muito amor, carinho e dedicação.
Amigos leitores e catequistas, não poderia deixar de partilhar este momento tão especial com vocês que sempre acompanha meu trabalho evangelizador aqui com o blog. Veja as fotos:


Minha linda turma que recebeu Jesus!



Momento da entrada






Momento do Ofertório:











Colocamos os pais para participar de alguns momentos. Acredito que a participação dos pais é essencial.

Entrada da Bíblia:






Momento de acender a vela:






Liturgia:
Anna Júlia, minha querida catequizando! Fez as preces de uma forma mais que especial!
Catequista Mariza, fez a segunda leitura. Primeira leitura e os comentários foram duas mães. 

Momento de louvor após a Missa



Agradeço a Joana D'arc (filha da catequista Erna) que preparou com todo carinho as meninas do grupo de louvor. Nesse momento toda a igreja se emocionou.
A música foi mesmo muito marcante.
A letra da música é:

Sacramento da Comunhão


Senhor quando te vejo no sacramento da comunhão
Sinto o céu se abrir e uma luz a me atingir
Esfriando minha cabeça e esquentando meu coração
Senhor, graças e louvores sejam dados a todo momento
Quero te louvar na dor, na alegria e no sofrimento
E se em meio a tribulação, eu me esquecer de Ti
Ilumina minhas trevas com Tua luz.

Jesus, fonte de misericórdia que jorra do templo
Jesus, o Filho da Rainha
Jesus, rosto divino do homem
Jesus, rosto humano de Deus.

Chego muitas vezes em Tua casa, meu Senhor
Triste abatido, precisando de amor
Mas depois da comunhão Tua casa é meu coração
Então sinto o céu dentro de mim
Não comungo porque mereço, isso eu sei, oh meu Senhor
Comungo pois preciso de Ti
Quando faltei à missa, fugi a de mim de Ti
Mas eu agora eu voltei, por favor, aceita-me.

Alguns Momentos da Missa












Carta aos meus amados catequizandos...

Meus queridos e eternos catequizandos,
Como foi maravilhoso passar esse tempo com você!
Lembra no primeiro encontro de catequese, onde eu disse que nossa turma era um ônibus? Eu seria o motorista e vocês os passageiros? Pois é, nossa viagem foi marcante!
Na estrada apareceu buracos, pedras perigosas, curvas fechadas, mas fui contornando os obstáculos e tudo no final deu certo, por que Jesus estava ansioso para a chegada dessa linda turma que Ele me “confiou”, e eis que isso aconteceu!
A viagem foi longa, todos nós ficamos ansiosos para a grande chegada. No meio do caminho o motorista (o catequista) foi exigente com os passageiros (catequizandos), mas tudo isso para que a viagem fosse tranquila, inesquecível, e que no decorrer da viagem, você querido catequizando, pudesse apreciar as belas paisagens.
Sempre soube que este momento seria difícil, porque a saudade já começa a incomodar meu coração. Como foi bom passar esses dois anos ensinando e aprendendo com você!
A cada passo que dávamos juntos, mais carinho e afeto eu sentia por você e por toda a minha linda turma.
Que tudo isso seja “eterno”:
  • Eterno seu encontro com Jesus. Pois Jesus é a luz da nossa vida, e para que esta luz fique sempre acesa em nossos corações é preciso ir em busca de Jesus indo a missa.
  • Eterno também seja, o nosso laço de amizade e carinho. Que possamos sempre cultivar nossa amizade, e crescer nas belas lembranças que construímos juntos durante esse tempo.
O catequista Jonathan, será um fiel amigo, ao qual você poderá contar “sempre”!
Como sempre rezei por você, continuarei sempre rezando, para que Deus nunca deixe faltar em você: saúde, alegria, fé, perseverança e tudo de bom que a vida tende a vos oferecer.
Muito Obrigado por fazer parte da minha vida!
Jesus te abençoe hoje e sempre.

Carta aos queridos pais...
Queridos Pais,
Como foi bom fazer parte dessa linda caminhada que seu filho percorreu rumo a Jesus Cristo!
Foram dois anos de evangelização e aprendizado. Tanto eu ensinei e evangelizei, como também aprendi e fui evangelizado por seu filho.
Agradeço a todos vocês pais, e familiares pela confiança, compreensão e por ter caminhado junto conosco.
A igreja no dia da “Primeira Comunhão” se encontrou cheia, e repleta de pais, e familiares felizes por verem seus filhos indo ao encontro de Jesus Eucarístico. Que isso se torne PERMANENTE! Afinal, a catequese precisa fazer parte por toda a vida da família. Nós catequistas, somos somente um suporte que a igreja oferece, mas os verdadeiros “catequistas” é você PAI e você MÃE. Evangelizamos seu filho 1 hora semanal, enquanto vocês PAIS tem 24 horas diárias para sempre evangelizar seu filho e ensina-lo o caminho certo que deve andar. (Provérbios 22.6)
Pais, vá e levem sempre seus filhos ao encontro de Jesus. “Levem-os sempre a missa” para receber Jesus na Comunhão, que é o nosso alimento espiritual, o que nos dá forças para superar obstáculos diários.
Pais, o coração do seu filho são terras férteis (boas), que poderá dar bons frutos futuramente, mas pra isso é preciso arar a terra, semear, cuidar dia após dia, podar a planta depois de crescida, para que cresça sempre endireitada, e depois disso chegará o momento de colher e saborear com alegria o tão esperado “fruto”.
Não podemos deixar nossa fé morrer. É preciso cultivar nossa fé todos os dias. Precisamos “rezar sempre com os filhos” e pelos filhos. Ensine seu filho rezar e pedir a Deus que graças sejam alcançadas, mas não esqueça de ensinar a seu filho a tornar a “oração um hábito diário”, ou seja, as crianças precisam saber que a oração é igual o nosso alimento de cada dia, onde precisamos todos os dias para nossa nutrição, e assim também é a oração, que nutri nossa força espiritual.
Pais, não se iludam achando que poderão educar seus filhos distantes da igreja e distante de Deus, que isso é pura ilusão. Devemos nos alegrar por sermos filhos de uma igreja que tem Pai que é nosso Deus, que tem Mãe que é Maria Nossa Senhora, e que tem Jesus que é nosso Salvador e por isso nos tornamos uma família Católica, FAMÍLIA essa que deve sempre permanecer “unida indo a missa e celebrar sempre a Comunhão em Jesus Cristo.”
Estas são palavras de quem sempre acolheu carinhosamente seu filho, e que levará sempre no coração o rostinho de cada um. Peço desculpas por algo que deixei a desejar, mas tenha a certeza que tudo o que fiz foi por amor primeiramente a Deus, a Jesus, e a Maria nossa mãe, e por amor e carinho a seu filho.
As vezes foi preciso pegar um pouco no pé, mas sempre tive a certeza que minha insistência se resultaria em alegrias, e por isso nunca desisti de seu filho, sempre mandei recados, mensagens nos celulares e ligações, cartinhas e bilhetes, me tornei um verdadeiro chiclete gradado no sapato, mas essa era a vontade de Deus!
Então, desejo um Natal abençoado, repleto de luz, saúde, felicidades e muita paz!
E em 2013 vocês já sabem... a catequese novamente estará de portas abertas para que seu filho continue “firme” em Cristo.

Catequista Jonathan Cruz

10 comentários:

  1. Que lindo Jonathan!

    Como desejo ser tão organizada e dedicada assim como vc. Parabenizo esse grande amor que tem pelas crianças na catequese e na nossa Igreja, pessoas assim como vc é muito dificil de encontrar, és um grande exemplo não só para as suas crianças, mas para todos os catequistas que por aqui passam. Lembrarei de vc em minhas orações e pedirei a Deus que eu me torne pelo menos uma pouco assim como vc rsrrsrs. Obrigada por existir.
    Fica com Deus!
    Abraço
    Eliane

    ResponderExcluir
  2. fiquei muito feliz de ter encontrado este espaço, para poder conhecer, pessoas que se preocupa com as criança na Igreja. Você está de parabéns,que Deus ilumine os seus passos ,sua vida, e seu trabalho.
    sou catequista e vou aprender muito, com estas ideias.

    sonia

    ResponderExcluir
  3. ADOREI SUA PAGINA E SEU BLOG.EU TBM SOU CATEQUISTA,FUI COORDENADORA PAROQUIAL DA CATEQUESE,MAS POR MOTIVOS DE SAÚDE FIQUEI SÓ COMO CATEQUISTA.EU TBM TENHO UMA PÁGINA ´´CATEQUESE DA PARÓQUIA SÃO PEDRO E SÃO PAULO``PARACAMBI -RJ.PARABÉNS JONATHAN CRUZ!QUE DEUS VOS ABENÇOE
    MARA

    ResponderExcluir
  4. Sou coordenadora e catequista, fiquei com um pouqinho de inveja( que sentimento mais feio) ... sei como este momento da 1ª eucaristia é especial para nós e para as crianças. Tô feliz por você fazer parte da nossa Igreja.Beatriz Isabel

    ResponderExcluir
  5. MEUS PARABÉNS! SOU SEMINARISTA E QUERO DIZER QUE VOCÊ ESTA FAZENDO UM BELO TRABALHO COMO CATEQUISTA, CUMPRINDO A SUA MISSÃO. PARABÉNS, É DESSA FORMA QUE CONSEGUIREMOS REALIZAR UMA CATEQUESE BASEADA NO MÉTODO "VER JULGAR E AGIR". ABRAÇÃO IRMÃO EM CRISTO.

    JOÃO LENO LIMA

    ResponderExcluir
  6. CARAMBA, JONATHAN, QUANTA DEDICAÇÃO! VOCÊ ME INSPIRA A SER UMA CATEQUISTA MELHOR! ADOREI A CARTA AOS PAIS!!! DEUS TE CONDUZA SEMPRE!!!
    TIA LILICA GOIÂNIA

    ResponderExcluir
  7. Oi Jonathan... Encontrei o seu blog em uma pesquisa de catequese para crianças, e achei a sua maneira de evangelizar ótima. Esta me ajudando bastante com os meus amiguinhos catequizandos. Um abraço e fique na santa Paz do nosso Senhor. Parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  8. Ola Jonathan também sou catequista e gostei muito da sua dedicação com o seu catequizando fique com Deus. Sidney.

    ResponderExcluir

Caso não dê conta de comentar com o seu email, você poderá comentar clicando na opção ANÔNIMO, só não pode esquecer de deixar o nome no final de seu comentário. Desde já, agradeço seu comentário e convido a voltar sempre.

Jonathan Cruz